Postagens

Mostrando postagens de Setembro, 2009

KOGAL: CHAPEUZINHO VERMELHO CONTEMPORÂNEO (Diego Tiscar)

Imagem
"Envergonhar-se da nossa imoralidade é um degrau na escada, em cujo extremo, se tem também vergonha da nossa moralidade"
(Nietzsche)

Este Ensaio tem por objetivo discutir a possibilidade de compreensão do Fetichismo nos tempos atuais, utilizando-se da imagem de uma personagem feminina contemporânea – a Kogal.

A idéia do fetiche é comum a todos os campos do saber. Freud a abordou com especial atenção. Tendo destaque especial nas sessões da Sociedade Psicológica Das Quartas-Feiras, Freud apontou o tema em diversos ensaios. Mas foi apenas com a introdução do termo Renegação (Verleugnung), em 1923, que Freud deu contornos definitivos a sua Teoria sobre o Fetiche[1].
A conotação do termo Verleugnung, em alemão, remete a uma ambiguidade entre verdade e mentira - tal sentido perde seu significado ao ser traduzido para o português[2]. A Renegação é um mecanismo de clivagem do Eu voltado para a Perversão, através do qual o indivíduo faz com que coexistam duas realidades contraditórias: a…