Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2018

BERGGASSE: MEDITAÇÕES CURTAS (Marcos InHauser Soriano)

Imagem
Perdidas na escrivaninha de Freud, as enigmáticas 20 folhas de papel almaço, contendo uma listagem de datas e anotações concisas, escritas pela inconfundível caligrafia gótica. No começo da primeira página, o título sublinhado: “A Mais Curta Crônica”1. Encontradas um mês antes da abertura do Museu Freud, em Londres (junho de 1986), coube a Michael Molnar decifrá-las, preenchendo suas lacunas, em árduo trabalho de pesquisa, que conteve uma busca minuciosa na casa 20 da Maresfield Gardens - última residência de Freud -, bem como uma série de entrevistas informais. O “diário”, que se inicia em 1929 e vai até 1939, é de uma contribuição inestimável, pois revela o “verdadeiro Freud”, o homem do cotidiano de seu tempo, em seu ambiente doméstico.
Datada de 26 de setembro de 1931 encontra-se a anotação: “Em Berggasse”.
1. Esta anotação, registrada com um traço vermelho na margem esquerda, marca o final das férias de verão de Freud. Uma mudança ambígua: de um alojamento espaçoso em Pötzleinsdorf p…

ENCONTRO "LER & ESCREVER" / SARAU TEATRAL

Imagem
Prezados Leitores
É com muita satisfação que convidamos para, no próximo dia 10/nov/2018, sábado, das 14h às 18h, o VIII Encontro “LER & ESCREVER”, promovido pela REVISTA VÓRTICE DE PSICANÁLISE. O tema do Encontro será “SENTIMENTO: ESTRANHO DESCONFORTO”. Neste Encontro teremos, como ponto de partida da discussão, a leitura da peça teatral “Deus travou o motor do seu refrigerador, madame!”
DEUS TRAVOU O MOTOR DO SEU REFRIGERADOR, MADAME!
Autor - Waldemir Marques Atores - Felipe Azeredo e Carmo Murano
SINOPSE Em um pequeno apartamento no centro de uma grande cidade, uma mulher de meia idade guarda e armazena seus sentimentos e/ou vida em frascos refrigerados. Em um momento de grande crise, daqueles em que tudo dá errado, ela descobre que seu refrigerador parou de funcionar. O que fazer? Chamar um “consertador” de geladeiras, simples! Nem tanto... O “Seu” Japonês acaba não dando conta dos defeitos... Estes conflitos e situações, tratados com poesia e humor, são resolvidos (será que serão?!) em ci…